29 / 01 / 2019

Renault revela 100% da nova geração do compacto Clio

Conhecido no Brasil pela robustez e boa economia de combustível, o Clio (que já não é vendido por aqui há anos) chegou à sua quinta geração totalmente mudado. A marca francesa afirma que 100% das peças são diferentes das do carro anterior.

Lançado em 1990, o Clio – particularmente entre 2012 e 2018 – conseguiu uma performance de vendas irrepreensível. Com pouco mais de 15 milhões de unidades produzidas até agora, ele se tornou o modelo mais bem sucedido do Grupo Renault no mundo.

As mudanças foram, de fato, radicais, mas é possível perceber ´heranças´ bem visíveis das quatro gerações anteriores. O estilo frontal desta nova geração, por exemplo, se parece com o da 4ª.

Chamado pela marca francesa de ´All-New Clio´, ele agora traz novas tecnologias que o retiram, definitivamente, daquela posição de carro espartano dentro do portfólio da Renault, cedendo de vez esse lugar ao compacto Kwid, modelo que ocupou o seu espaço no mercado brasileiro.

Projetado sob o lema “Evolução e Revolução”, o novo Clio está com o exterior mais maduro e com um interior totalmente renovado. O projeto certamente ganhou em vitalidade e modernidade, permanecendo, no entanto, instantaneamente reconhecível como um ´Clio´.

O interior mais luxuoso foi inspirado em segmentos mais sofisticados, tanto em termos de percepção de qualidade, quanto em tecnologia disponível.

A Renault mantém nesse instante o plano estratégico “Dirigindo para o futuro”, que foi apresentado em 2017 e pretende ser concluído em 2022. A ação tem três objetivos principais, começando por esse: oferecer (até 2022) doze modelos eletrificados em sua linha. O novo Clio será o primeiro do seu nicho dentro da marca com motorização híbrida.

O segundo ponto é ter 100% de veículos conectados nos seus principais mercados. O novo Clio já traz um moderno sistema multimídia conectado. E o terceiro desafio é entregar (também até 2022), 15 automóveis equipados com tecnologia de condução autônoma. O Clio será um deles, além de pioneiro no segmento.

Na parte interna, o chamado ´smart cockpit´ do Clio se destaca por uma grande tela multimídia de 9,3 polegadas. É a maior entre todos os modelos Renault. Voltada para o motorista, a tela, com seu novo sistema conectado Easy Link, inclui todos os recursos de multimídia, navegação e infotainment, bem como as configurações Multi-Sense, tudo “incrivelmente simples de se usar”, segundo a Renault. Pela primeira vez, o Clio está equipado com um painel digital que substitui o visor analógico tradicional.

Por enquanto é só isso. Antes de lançar oficialmente a quinta geração do Clio, a Renault faz alguns mistérios como, por exemplo, quais serão os tipos de motorização e câmbio que o compacto terá ou detalhes de suspensão e dados de performance. Sabe-se, porém, que haverá opção de rodas de liga leve com 17 polegadas e também a introdução de uma versão mais esportiva ´RS Line´, em substituição à GT-Line.

A Renault divulgou que a capacidade do porta-malas cresceu em 26 litros, alcançando agora 391 litros. Faróis e lanternas melhoraram e passam a empregar iluminação 100% em LED. (Fotos: divulgação Renault / Instagram: @acelerandoporai)

Deixe seu comentário