17 / 08 / 2017

////

17_pcf170817

:::::

ADIOU – A japonesa Toyota avisou que vai atrasar o início das operações da sua nova fábrica no México até o primeiro semestre de 2020, a partir do plano inicial de 2019. Inicialmente, a fabricante nipônica planejava construir por lá o sedã Corolla, no entanto, o modelo será feito numa nova fábrica da Toyota que será construída em parceria com a Mazda nos EUA. A usina mexicana em Guanajuato custará 1 bilhão de dólares aos cofres da marca!

MUDANÇA – Ao invés do Corolla, a Toyota disse que fabricará a picape Tacoma no México e, posteriormente, também deverá começar a construir utilitários esportivos naquela unidade.

ACESSÓRIO – Nissan do Brasil anuncia que ampliou a sua gama de acessórios originais. A marca avisa que os sensores de estacionamento traseiro e dianteiro já estão nas revendas e podem ser instalados nas linhas dos modelos March, Versa, Sentra e picape Frontier. O sistema amplia a comodidade e a segurança, ajudando a detectar pontos cegos enquanto se executa a manobra em marcha à ré ou à frente. O preço sugerido para a venda (base São Paulo, sem frete) é de R$ 409,04 para o sensor traseiro com aviso sonoro e R$ 946,57 para o dianteiro. Os valores não incluem a mão de obra de instalação.

CIDADE – No início desta semana fui ao Rio de Janeiro experimentar uma edição especial da van Mercedes-Benz Sprinter, veículo que você pode conferir na página 8 desta edição. Parte do evento ocorreu no suntuoso Parque Olímpico ali na divisa entre a Barra e Jacarepaguá. É inacreditável o tamanho do empreendimento – agora praticamente inútil – que foi erguido com megalomania e irresponsabilidade pelo governo brasileiro! O elefante branco custa ao nosso bolso (os pagadores de impostos) alguns milhões para ser mantido pra… nada!

ALUGUEL – Para diminuir a ociosidade do gigantesco parque, o Estado e a prefeitura locais estão alugando “o todo” ou partes da edificação para a realização de eventos. Por sorte, este ano haverá uma edição do Rock & Rio por lá, o que renderá um bom dinheiro de aluguel. Mais impressionante do que o abandono do local (enorme, cheio de prédios e arenas nababescos) é a inércia da sociedade brasileira em não cobrar uma solução pra esse desmando absurdo! No mínimo, o Parque Olímpico deveria ser transformado num complexo escolar público. Ao menos isso…

LEMBRANDO – Essa porcaria de Parque Olímpico mal feito, além de destruir parte da vegetação nativa do belo local, destruiu o lendário Autódromo de Jacarepaguá, talvez a pista plana de corridas mais divertida do planeta! O circuito sempre foi elogiado por todos os grandes pilotos da Fórmula 1 e oferecia uma vantagem impressionante ao espectador, que, sentado nas arquibancadas mais altas, podia enxergar quase todo o traçado. Tive a sorte de ver Ayrton Senna acelerando duas vezes por lá e a honra de ter presenciado uma apresentação especial do argentino Juan Manuel Fangio naquele autódromo. Destruíram parte da história automobilística do Brasil para gerar uma inutilidade.

MARAVILHOSA? – O belo Rio de Janeiro já não está tão lindo assim… A visão aérea é deprimente, de cortar o coração de qualquer brasileiro que, minimamente, ame o seu país. Os bairros de Copacabana, Urca, Ipanema e Leblon, há muito estão espremidos por centenas de favelas. Recordista mundial no tema, o Rio de Janeiro já tem mais de 700 favelas! Outro detalhe de dar dó naquela bela cidade é a destruição gradativa dos mangues nos arredores da Ilha do Governador. A água parece óleo queimado de motor de carro…

CHEGOU – Ford do Brasil anuncia o lançamento da linha 2017 do New Fiesta sedã. A grande novidade é a introdução da central multimídia SYNC 3 com tela de 6,5 polegadas sensível ao toque, compatível com Android Auto e Apple CarPlay. O sedã compacto é disponibilizado em três versões: SEL, Titanium e Titanium Plus, com preço a partir de R$66.490. Toda a linha é equipada com o motor Sigma 1.6 Flex de 128 cv com opção de transmissão manual ou automática de seis velocidades.

Deixe seu comentário