06 / 10 / 2018

Bentley aposenta motor a diesel do Bentayga

Não há nenhuma norma ou lei que impeçam a utilização de motores a óleo diesel na Europa, Estados Unidos ou em qualquer país do mundo. O problema é que as exigências antipoluição (principalmente na União Europeia) estão cada vez maiores, daí, os fabricantes desse tipo de propulsor precisam investir milhões de dólares em novos projetos de atualizações de antigos motores. Nesse ponto, fica a questão: será que vale a pena gastar tanto em unidades tradicionais a combustão, quando o mundo aponta para a aceitação dos carros elétricos?

06_bb (1)

Alto desempenho >> A inglesa Bentley (marca pertencente ao Grupo Volkswagen) está no meio de um imbróglio desse tipo. Ela oferece no seu espetacular Bentayga (SUV de altíssimo luxo), um sensacional motor V8 turbodiesel, capaz de colocar no bolso a maioria dos motores V8 movidos puramente a gasolina. Esse feroz propulsor, além de silencioso, doa uma performance digna de um biposto esportivo italiano: ele acelera de zero a 100 km/h em apenas 4,8 segundos e vai até o pico – controlado eletronicamente – de 270 km/h. Os clientes nunca reclamaram, até porque, mesmo com um desempenho desses, o Bentayga consegue consumir apenas 1 litro de óleo diesel para percorrer quase 8 quilômetros, um dado favorável levando-se em conta o peso do veículo e a quantidade de tecnologia a bordo.

06_bb (2)

Fora de linha >> Mesmo com aceitação plena dos consumidores, a Bentley anunciou que, por causa de “pressões políticas”, vai descontinuar essa versão com motor V8 turbodiesel. O engraçado de tudo isso é que boa parte dos parlamentares (não somente da Europa ou dos EUA, mas também do Brasil) parece que se preocupam só e somente só com os carros e motos, e se esquecem dos poluidores gigantes que transitam na terra, mar e no ar. Caminhões, trens, navios e aviões (principalmente esses daqui) despejam a cada segundo centenas de milhares de partículas de CO2 – dióxido de carbono ou gás carbônico – diretamente nas nuvens e nas águas do nosso belo planeta.

06_bb (3)

Poluição e urubus >> Fugindo um pouquinho do tema central sobre motores a diesel, fico aqui pensando naquela máxima que diz que se quisermos um mundo melhor, temos que começar primeiro, por nós mesmos, ações simples e que se iniciem dentro de casa, como por exemplo, separar o lixo e reciclá-lo, não despejar esgoto aonde não se deve, utilizar sabão biodegradável e, gradativamente, ir aposentando plásticos que sejam nocivos à natureza. Me inspirei a escrever assim no final dessa matéria, porque hoje de manhã aqui em Maceió (AL) vi duas tartarugas mortas na praia de Cruz das Almas com urubus fazendo a festa na carniça. Além disso, pra completar a cena, várias “línguas negras” continuam cuspindo podres dejetos na orla marítima mais linda do universo. Ainda há muita coisa bem mais importante a se fazer nesse planeta, antes de criticar um simples motor a óleo diesel produzido em baixíssima escala, caso do Bentley Bentayga… (Fotos: divulgação Bentley) 

06_bb (4)

Deixe seu comentário