09 / 03 / 2019

Jesko, o novo bólido da Koenigsegg com 1.600 cv!!

“Jesko” é o nome do pai de Christian von Koenigsegg, CEO da empresa sueca de carros esportivos que leva o sobrenome da família. E foi justamente homenageando-o, que ele apresentou na abertura do Salão de Genebra 2019 o carro mais impressionante da exposição.

Sucessor do Koenigsegg Agera RS, o Jesko surge como um espetáculo de criatividade, força e tecnologia. Por causa de preciosismos na sua construção, ele é superior em muitos aspectos à maioria dos superesportivos de marcas bem mais famosas. Um deles é o virabrequim para motores V8 de produção mais leve do mundo. A Koenigsegg divulga uma massa de apenas 12,5 kg para essa peça que suporta rotações acima de 8.500 rpm.

Com alimentação bicombustível, o motor V8 twin-turbo do Jesko tem potência variável de 1.280 cv (quando abastecido apenas com gasolina) e espetaculares 1.600 cv de força quando consome etanol. O torque é ainda mais surpreendente: são 152,9 kgf.m! Para você ter uma ideia do que é isso: a 1ª geração do Mercedes-Benz C43 AMG trazia motor V8 com 37 kgf.m de torque…

Deslumbrante em muitos detalhes, o Koenigsegg Jesko é praticamente todo feito em fibra de carbono, alumínio e aço. Não há um parafuso sequer que não seja acompanhado de um design bem pensado. Projetado para duas pessoas, o interior é até simplificado, mas sem perder uma elegância toda peculiar. A parte interna é amplamente funcional e praticamente não exibe botões, já que tudo é controlado eletronicamente. As saídas do sistema de ar-condicionado têm estilo retrô e o volante com fundo achatado disponibiliza alguns comandos nas laterais.

Por fora é que está toda a magia desse projeto que terá 125 unidades fabricadas a um valor que deverá atingir R$ 12 milhões por cada uma delas! Apesar da excentricidade do design, esse carro não é carnavalesco como alguns modelos da Lamborghini, por exemplo, e também não chega a assustar por ser parecido com um esportivo extraído de um videogame. Ele é excepcionalmente bem ajustado em volumes e linhas.

Perceba a sutileza da posição de dirigir bem avançada, a genialidade dos ´caminhos´ de entrada e saída de ar nas laterais da carroceria e a combinação perfeita das rodas de desenho simples e bonito com os lados do esportivo. Para coroar o bom gosto, a traseira exibe um gigante aerofólio que não ´machuca´ esteticamente o conjunto. Em suma, um respeitável e exclusivo carro esporte.

A Koenigsegg se reservou ao direito de ainda não divulgar os dados técnicos da nova máquina, mas estima-se que a aceleração de 0-100 km/h esteja abaixo dos 3 segundos e a velocidade máxima arranhe os 500 km/h! De fato, não é todo dia que surge um esportivo dessa categoria, com tanto charme e virilidade.

Para finalizar, vale a pena destacar mais um detalhe positivo do Jesko. O modelo vem com uma nova “transmissão de velocidade leve” (LST). A caixa ´multiclutch´ tem 9 marchas e oferece uma possibilidade inimaginável: a redução de marchas, suplantando quantas trocas o condutor desejar e em qualquer velocidade! É possível, por exemplo, passar da 7ª para a 4ª marcha sem utilizar a 5ª e a 6ª, ou seja, ganhando-se tempo em condições de pilotagem. Arrisco dizer que esse modelo representa a maturidade da interessantíssima marca sueca Koenigsegg Automotive. (Fotos: divulgação Koenigsegg / Instagram: @acelerandoporai) 

Deixe seu comentário