01 / 07 / 2018

Miura SVR, o Lamborghini que virou ´febre´ no Japão

01_l m (1)

O “Lamborghini Polo Storico”, setor de recuperação da famosa marca de Sant´Agata Bolognese, Itália, finalizou recentemente a minuciosa restauração de um dos mais famosos Lamborghinis já construídos: o Miura SVR. Esse carro é cercado de passagens interessantes, dentre elas, o fato de ter sido desenvolvido pela Lamborghini com participação direta de Bob Wallace, seu famoso piloto de testes.

01_l m (2) 01_l m (3)

Além disso, por ter chegado ao Japão pelas mãos de um colecionador, o esportivo tornou-se inspiração para o “Circuit Wolf” (desenho em quadrinhos nipônico). Também por causa disso, ele foi extensamente reproduzido em escala de 1:18, tornando-se um dos brinquedos mais vendidos da empresa japonesa Kyosho, virando uma febre entre adultos e crianças nos anos ´70 no “país do sol nascente”.

01_l m (4)

Muito raro >> Apenas 763 unidades do Lamborghini Miura foram produzidas entre 1966 e 1972. Curiosamente, depois que Bob Wallace sofreu um acidente, a demanda incessante dos clientes levou a Automobili Lamborghini a construir alguns modelos extras do Miura SVJ e apenas uma unidade do Lamborghini Miura do tipo “SVR”.

01_l m (5)

De mão em mão >> O Miura com número de chassi 3.781, motor Nº 2.511 e carroceria Nº 383 nasceu como uma versão “SVJ” pintada na cor ´Verde Miura´ com o interior totalmente preto. Esse carro foi revendido na concessionária Lamborauto em Turim, Itália, em 1968, após a sua exibição no 50º Salão do Automóvel de Turim.

01_l m (6)

Depois de trocar de mãos oito vezes na Itália, o veículo foi comprado em 1974 pelo alemão Heinz Straber, que o levou de volta a Sant´Agata para reformá-lo em sua plenitude. Em 1976, o carro foi vendido para Hiromitsu Ito e viajou, definitivamente para o Japão. Foi aí que a história (que eu já contei no início) se deu, com a fabricante de brinquedos Kyosho reproduzindo o veículo num pequeno esportivo com dimensões exatas, só que 18 vezes menor que o modelo original.

01_l m (7)

Nova restauração >> Paolo Gabrielli, chefe de pós-vendas da Lamborghini e diretor do Polo Storico, ressaltou detalhes da nova restauração feita no carro. “A recuperação completa exigiu uma abordagem diferente da maneira como normalmente trabalhamos. O catálogo de produção original não serviu para ajudar muito, pois dele somente tínhamos as especificações dos modelos de linha comum em 1974. O desafio para a equipe do ´Polo Storico´ foi ainda mais assustador, pois o carro chegou em Sant’Agata em pedaços! Embora as peças estivessem todas lá, não foi fácil montar o quebra cabeças. No final, conseguimos um resultado espetacular, com o SVR totalmente idêntico ao dia em que ele foi feito. As únicas variações, além das especificações originais, foram o acréscimo dos cintos de segurança de 4 pontos, bancos tipo concha e uma barra de proteção de ferro interna”, finalizou Gabrielli.

01_l m (8)

Força >> O modelo continua originalmente equipado com um motor V12 de 385 hp de potência. A unidade é capaz de levá-lo a uma velocidade máxima de 274 km/h. Sua aceleração de 0-100 km/h é declarada em apenas 5,75 segundos.

01_l m (9) 01_l m (10)

O esportivo único no mundo, inicialmente pintado em verde e depois em vermelho, que já passou por dez proprietários diferentes, participou de algumas corridas, foi restaurado duas vezes e, dentre elas, ficou completamente desmontado voltando à vida, não tem preço quantificado para revenda. Uma joia única! (Fotos: divulgação Lamborghini) 

01_l m (11)

Deixe seu comentário