01 / 12 / 2018

Novo Fiat 500 elétrico passará a ser fabricado na Europa

Ao contrário do ex-CEO da Fiat Chrysler Automobiles, Sergio Marchionne, que era avesso aos carros elétricos por considerá-los produtivamente caros e de baixíssima aceitação do público, o atual presidente do conglomerado ítalo-americano, Mike Manley, parece ser muito mais aberto à ideia, tanto é que anunciou que, brevemente lançará a próxima geração do compacto 500 elétrico.

Baixa autonomia >> O “500e” atualmente é fabricado no México e exportado para vários países, mas pouco se destaca nas vendas por ter uma autonomia muito limitada. Apesar de o seu motor oferecer 111 hp de potência, a bateria de apenas 24 kWh de capacidade só possibilita um alcance de pouco menos de 140 quilômetros com uma recarga completa.

O novo 500e será montado numa plataforma maior, portanto, capaz de suportar baterias mais fortes, e consequentemente doadoras de maior autonomia.

Ampliação da linha >> O Fiat 500e será o primeiro carro elétrico de uma nova família de veículos desse tipo que a FCA vai colocar no mercado a partir do ano que vem até 2021. Segundo a imprensa italiana, o grupo deverá investir algo em torno de 5 bilhões de Euros nessa nova ação, incrementando não somente a sua linha de veículos elétricos, e sim de novas versões híbridas de modelos já existentes.

Como já dito, o 500e é feito no México, mas a versão europeia passará a ser fabricada em Mirafiori, Turim (Itália). (Fotos: divulgação FCA / Texto: Fábio Amorim / Siga o nosso Instagram: @acelerandoporai / Contato via eMail: amorim911@gmail.com)

Deixe seu comentário