29 / 06 / 2019

Peugeot faz reformulação geral no novo 2008

Caminhando para uma renovação estética total na sua linha (sempre baseada nos traços dos SUVs 3008 e 5008), a Peugeot já exibiu o novo 2008 (ano 2020), modelo que somente deverá ser apresentado ao público no próximo Salão de Frankfurt 2019. Fixado no ´segmento B´, o novo SUV francês tem dimensões compactas com 4,3 m de comprimento e 2,6 m de distância entre-eixos.

Fácil perceber as mudanças frontais radicais, que transformaram radicalmente o grupo óptico (com faróis de LEDs) e a grade. O conjunto está bem mais moderno, e como já dito acima, reformulado seguindo a mesma tendência de linhas do 3008 e 5008. Uma das novidades do 2008 é a adoção do “i-Cockpit 3D”, que dependendo da versão, oferece as informações do painel de instrumentos projetadas no para-brisa dianteiro como um holograma.

Rodas de aro 18” e opções de pinturas bicolores também são novidades no 2008. O teto dele poderá sair em dois tons de ´Preto Diamond´; assim como novas cores para a carroceria estarão disponíveis, com destaque para o Vermelho Elixir, Azul Vertigo e Laranja Fusion. Por dentro (dependendo da versão), o acabamento pode vir com couro nos bancos e até com o ´Alcântara´, tecido que, definitivamente, ganhou o mundo dos carros esportivos.

Ainda sem muitos detalhes técnicos disponíveis, o novo Peugeot 2008 terá três motores a gasolina e dois propulsores a diesel para o mercado europeu, mas a maior referência da gama será mesmo o “e-2008” com propulsão 100% elétrica e autonomia de pelo menos 320 quilômetros. O tempo de recarga total das baterias é de 16 horas, mas há outras opções de recarregamento mais rápido.

O modelo é agradável esteticamente, tem bom pacote tecnológico e oferece vastas possibilidades de motorização, tipos de câmbio e níveis de acabamento. As versões (para o mercado europeu) são as seguintes: Active, Allure, GT Line e GT, todas com opções de motores a combustão ou com o trem de força totalmente elétrico.

O novo Peugeot 2008 somente deverá estar nas revendas no primeiro trimestre de 2020, inclusive aqui no Brasil. A Peugeot, com seus respeitáveis 208 anos de história, atravessa bom momento e faz lançamentos coerentes. Discretamente, prepara-se para essa nova fase de veículos híbridos e elétricos, aparentemente uma tendência sem volta. (Fotos: divulgação Peugeot / Instagram: @acelerandoporai)

Deixe seu comentário