18 / 05 / 2017

Volkswagen 411, o pai do nosso “TL”. Lembra dele?

18_vw411 (1)

Em setembro de 2017, um dos mais interessantes projetos da Volkswagen completará quarenta e nove anos. Bem no início dos anos ´70, a marca alemã apresentou o “VW 411” que, na época era o modelo mais tecnologicamente ousado da empresa. O compacto foi testado por 200 jornalistas convidados que se impressionaram com o desempenho do veículo. As vendas foram boas: até julho de 1974 a VW fabricou exatas 367.728 unidades.

18_vw411 (2)

Bem aceito >> A VW expunha o seu novo carro em anúncios de propaganda que alegavam que “nunca houve um Volkswagen como este antes”. O 411 foi o primeiro carro desse fabricante alemão que tinha uma estrutura quase como um monobloco. Saía com opção de quatro portas, tinha mais espaço interno do que qualquer outro Volkswagen e uma distância entre-eixos maior do que a do já famoso Fusca.

18_vw411 (3)

Propulsor >> Seu motor era um boxer de 4 cilindros e 1.600 cm³, refrigerado a ar e com 68 hp de potência máxima. A unidade (tal qual na Brasília, no Fusca e no ´TL´, este último, carro derivado diretamente do 411) era montada na traseira. O fabricante declarava velocidade máxima de 145 km/h.

18_vw411 (4)

Seu maior trunfo era o chassi esportivo inovador com suspensão MacPherson e estruturas dianteira e traseira com eixos de articulação dupla, usados no Porsche 911. Isso dava uma estabilidade totalmente superior ao 411 quando o comparamos ao velho TL, por exemplo.

18_vw411 (5)

Curiosidade >> Logo no início da sua carreira, esse carro chegou às revendas com um problema crônico de embreagem. A imprensa não perdoou e lotou de críticas os jornais e revistas especializados. No intuito de sanar os defeitos, a Volkswagen reduziu a produção de 1.000 unidades diárias para apenas 75 veículos por dia!

18_vw411 (6)

Os engenheiros introduziram melhoramentos, como o conserto do sistema de embreagem e a adoção de injeção eletrônica de combustível (aumentando a potência do motor para 80 hp). Os reparos foram milagrosos e o VW 411 voltou a decolar nas vendas, sendo, inclusive, exportado e bem aceito no mercado dos Estados Unidos. (Fotos: divulgação)

18_vw411 (7)

Deixe seu comentário