06 / 12 / 2018

Mais uma: VW só vai produzir carros a combustão até 2026

Ontem (5/12) a Honda confirmou as suas intenções de descontinuar os motores a diesel para carros de passeio, focando somente em novas configurações a gasolina, híbridas ou puramente elétricas. Nesta quinta-feira (6/12) a famosa agência Reuters afirmou que a alemã Volkswagen também seguirá um caminho radical. E não vai demorar muito para que isso aconteça.

Com o intuito de investir maciçamente em novas famílias de veículos elétricos, a VW somente deverá produzir carros com motores a combustão até o ano de 2026, prazo brevíssimo levando-se em conta a alta velocidade que as mudanças acontecem hoje em dia na indústria. A informação foi confirmada por Michael Jost, chefe de estratégia de desenvolvimento de produtos da marca germânica, e um dos executivos mais importantes dessa empresa.

Como é de conhecimento público, a Volkswagen ainda está numa fase de recuperação da sólida imagem que sempre teve em décadas de existência (fundação em 1937), pois sofreu um grave arranhão em 2015 num escândalo denominado ´Dieselgate´, aonde foram constatadas fraudes de emissões mascaradas por softwares adulterados em milhares dos seus carros. O prejuízo em indenizações, multas aos governos norte-americano e alemão, recall e até recompras desses automóveis, quase atingiu o montante assustador de 30 bilhões de Euros. Essa nova postura da VW está bastante ligada a esse episódio, já que a empresa agora quer se redimir do Dieselgate mostrando-se muito mais amiga do meio ambiente. Evidentemente, a Volkswagen manterá a produção de peças de reposição para a manutenção dos seus motores a combustão já vendidos, até o restante da vida útil deles.

A renomada agência Reuters também afirma que a VW está em vias de consolidar uma nova parceria com a Ford (já houve uma ´joint venture´ entre as duas chamada ´Autolatina´) para a ampliação da produção dos seus veículos elétricos nos Estados Unidos em fábricas ociosas dessa antiga marca yankee que, como todos sabem, atravessa grave crise financeira principalmente na América Latina. (Fotos: divulgação VW / Texto: Fábio Amorim / Siga o nosso Instagram: @acelerandoporai / Contato via eMail: amorim911@gmail.com) 

Deixe seu comentário